Recebo frequentemente mensagens de pessoas que gostariam de ser vegetarianas e veganas e alinhar o seu estilo de vida com o que acreditam de verdade. Não é difícil conversar sobre ética e verificar que a maioria das pessoas quer o mesmo que os veganos: a não-violência, compaixão e harmonia com outros seres.

Acontece que somos todos criados em uma sociedade que tem muitos alicerces baseados na exploração animal, desde testes da indústria farmacêutico até toda a nossa alimentação e vestuário. E parece muito complicado se desvencilhar disso tudo, à primeira vista.

Quem me segue sabe que eu sempre estimulo as pessoas de forma positiva a se encorajarem e seguirem seus próprios caminhos, sempre se respeitando. Cada trajetória é única, e eu sei disso porque não nasci vegana, nem muito menos vegetariana. Seguindo minha trilha, eu acabei acolhendo a missão de ajudar quem também se identifica e não sabe como fazer esse “pulo”.

Temos uma oportunidade perfeita neste mês, o primeiro mês do ano. Há muitas resoluções de ano novo por aí que devem incluir tudo isso que falei: viver uma vida mais plena, mais tranquila, mais alinhada com nossos princípios éticos… e muita gente já definiu que quer se tornar vegetariano ou vegano em 2018. Pois bem, existe uma campanha maravilhosa pra ajudar exatamente quem precisa: o Janeiro Vegetariano.

Veja algumas das plataformas:

  • Website com o conteúdo para o desafio, receitas, dicas, informação sobre nutrição, onde as pessoas podem obter informação: http://www.desafiojaneirovegetariano.com
  • Instagram: https://www.instagram.com/janeirovegetariano/
  • Página no facebook onde divulgamos informação, receitas eeventos: https://www.facebook.com/desafiojaneirovegetariano/
  • Grupo no facebook para ajuda, acompanhamento e partilha da experiência enquantoparticipam no desafio: https://www.facebook.com/groups/ajudavegana/

Eu decidi apoiar esta campanha porque acho essencial ter uma ajuda especialmente se você é a única pessoa da sua convivência que deseja diminuir ou parar com o consumo de carne.

Veja algumas das plataformas:

  • Website com o conteúdo para o desafio, receitas, dicas, informação sobre nutrição, onde as pessoas podem obter informação: http://www.desafiojaneirovegetariano.com
  • Instagram: https://www.instagram.com/janeirovegetariano/
  • Página no facebook onde divulgamos informação, receitas eeventos: https://www.facebook.com/desafiojaneirovegetariano/
  • Grupo no facebook para ajuda, acompanhamento e partilha da experiência enquantoparticipam no desafio: https://www.facebook.com/groups/ajudavegana/

Eu decidi apoiar esta campanha porque acho essencial ter uma ajuda especialmente se você é a única pessoa da sua convivência que deseja diminuir ou parar com o consumo de carne.