Já ficou mais do que claro que eu adoro falar de comida por aqui, né? E sempre que posso, eu tento frisar que não é porque sou vegana que eu me privo de nenhum tipo de comida. Como o queijo… veja este post e este post sobre queijos veganos. E também a gelatina!

O que muita gente não sabe é que a gelatina é um produto animal, feito a partir dos ossos e às vezes até pele de bovinos e suínos. Descobri isso depois de virar ovolactovegetariana e fiquei horrorizada. Bom, na verdade, acho que eu até já sabia, mas nunca tinha me ligado que era o equivalente a comer um pedaço de bife… só que ainda mais disfarçado do que o pedaço de carne que desconecta a gente do animal. Porque a gelatina é transparente, diferente, colorida e cheirosa, desvia mais ainda do foco.

Mas não desanime! Se você gosta de gelatina e pretende virar vegano ou já é vegano, você ainda pode comer gelatinas de diversos sabores, como eu contei nesse vídeo!

A gelatina vegana é feita a partir de algas, ou seja, totalmente vegetal. Tem fibras e energia. Pode ser do sabor que você quiser… E a base dela, o ágar-ágar, pode ser usado para fazer diversos produtos, como o queijo que eu mostrei. Essa gelatina é da marca Gelialgas, e como eu mostrei no vídeo, há opções bem fáceis de serem encontradas no mercado comum.

E de quebra, você se diverte com o Chico me atacando, porque nem a gelatina ele perdoa. Esse gato é doido…